Notícias

18/04/2017

O FDA (Food and Drug Administration) órgão norte-americano responsável pela regulamentação do uso de medicamentos (entre outras atividades) liberou recentemente o uso de injeções intravítreas de Ranibizumabe para o tratamento de retinopatia diabética sem edema macular (o uso para edema macular já havia sido aprovado anteriormente).

Tal liberação foi baseada no estudo Protocolo S do grugo Diabetic Retinopathy Clinical Research Network, que demonstrou ser a realização mensal da aplicação de anti-angiogênico no mínimo equivalente à realização de fotocoagulação a laser em casos de retinopatia diabética proliferativa.