Buraco Macular

Cirurgia de vitrectomia para o buraco macular.

O que é um buraco macular?

Buraco macular é uma pequena falha na mácula, localizada no centro do tecido sensível à luz chamado retina. A mácula fornece a visão central e nítida que precisamos para ler, dirigir e ver detalhes. Um buraco macular pode causar visão distorcida. Buracos maculares estão relacionados ao envelhecimento e geralmente ocorrem em pessoas com mais de 60 anos.

 

Existem diferentes tipos de um buraco macular?

Sim. Existem três estágios: Descolamentos foveais (estágio I). Sem tratamento, cerca de metade dos buracos maculares estágio I irão progredir. Buraco de espessura completa com menos de 400 micras (estágio II). Sem tratamento, cerca de 70% dos buracos maculares estágio II irão progredir. Buracos de espessura total com mais de 400 micras (Fase III), neste estágio, o vítreo (gelatina interna do olho) está desprendido da mácula, mas ainda preso ao nervo óptico. Quando um buraco macular estágio III se desenvolve, a visão mais central e detalhada pode ser perdida. No estágio IV existe descolamento completo do vítreo posterior.

O que causa um buraco macular?

O olho é preenchido por vítreo, uma substância semelhante a gel que preenche cerca de 80% do espaço interno. O vítreo contém milhões de fibras que estão ligadas à superfície da retina. À medida que envelhecemos, o vítreo lentamente encolhe e se afasta da superfície da retina. Os fluidos naturais preenchem a área onde o vítreo se contraiu. Isto é normal. Na maioria dos casos, não há efeitos adversos. Alguns pacientes podem experimentar um pequeno aumento de moscas volantes (corpos flutuantes), que são pequenas "teias de aranha" ou manchas que parecem flutuar no seu campo de visão. No entanto, se o vítreo estiver firmemente preso à retina quando se afasta, pode rasgar a retina e criar um buraco macular. Além disso, uma vez que o vítreo se afastou da superfície da retina, algumas das fibras podem permanecer na superfície da retina e podem se contrair. Isso aumenta a tensão na retina e pode levar a um buraco macular. Em ambos os casos, o fluido que substituiu o vítreo encolhido pode então infiltrar-se através do orifício sobre a mácula, obscurecendo e distorcendo a visão central. Buracos maculares também podem ocorrer em outros distúrbios oculares, como alta miopia (miopia), lesão ocular, descolamento de retina e, membrana epirretiniana

Quais são os sintomas de um buraco macular?

Os buracos maculares geralmente começam gradualmente. No estágio inicial de um buraco macular, as pessoas podem notar uma leve distorção ou falta de nitidez em sua visão central. Linhas retas ou objetos podem começar a parecer tortos ou ondulados.Pode tornar-se difícil ler ou realizar tarefas diárias.

 

Como é o tratamento do buraco macular?

Embora alguns buracos maculares possam resolver espontaneamente e não necessitar de tratamento, a cirurgia é necessária em muitos casos para ajudar a melhorar a visão. Neste procedimento cirúrgico - chamado de vitrectomia com membranectomia - o gel vítreo é removido para evitar que ele puxe a retina e seja substituído por uma bolha contendo uma mistura de ar e gás. A bolha atua como uma bandagem interna temporária que ajuda no fechamento do buraco. A cirurgia é realizada sob anestesia local e muitas vezes em base ambulatorial. Após a cirurgia, os pacientes devem permanecer deitados de bruço, normalmente poucos dias, mas, às vezes, por duas ou três semanas. Esta posição permite que a bolha pressione contra a mácula e seja gradualmente reabsorvida pelo olho, selando o buraco. Quando a bolha é reabsorvida, a cavidade do vítreo é preenchida com fluidos oculares naturais. Manter uma posição voltada para baixo é crucial para o sucesso da cirurgia. Como essa posição pode ser difícil para muitas pessoas, é importante discutir isso com seu médico antes da cirurgia.

Quais são os riscos da cirurgia?

O risco mais comum após a cirurgia do buraco macular é um aumento na taxa de desenvolvimento de catarata. Na maioria dos pacientes, uma catarata pode progredir rapidamente e, muitas vezes, torna-se grave o suficiente para exigir a remoção. Outras complicações menos comuns incluem infecção e descolamento de retina durante ou após a cirurgia. Durante alguns meses após a cirurgia, os pacientes não podem viajar de avião. Alterações na pressão do ar podem fazer com que a bolha no olho se expanda, aumentando a pressão dentro do olho.

Quão bem sucedida é esta cirurgia?

A taxa de sucesso depende do tamanho do buraco e também de características individuais do paciente, sendo obtido fechamento do buraco em torno de 90% das cirurgias. A melhoria da visão varia de paciente para paciente. As pessoas que tiveram um buraco macular por menos de seis meses têm uma chance melhor de recuperar a visão do que aquelas que tiveram uma por um período mais longo. Discuta a recuperação da visão com o seu médico antes da cirurgia. A recuperação da visão pode continuar por meses após a cirurgia.

Autor:

Dr. Mário César Bulla

Cremers 28.120

buraco macular retina.jpg